Fantasporto 2017 – Os Vencedores.

Fantasporto 2017 – Os Vencedores.

Termina este domingo mais uma edição do Fantasporto, a 37ª, com a exibição de alguns filmes premiados. A entrega de prémios decorreu este. [...]

“The Escape” volta a juntar a BMW a Clive Owen.

“The Escape” volta a juntar a BMW a Clive Owen.

Foi em 2001 que a BMW revelou Clive Owen ao mundo, numa série de curtas-metragens onde um exímio motorista de aluguer era contratado para mis. [...]

Sugestões para o Halloween 2016.

Sugestões para o Halloween 2016.

Mais uma vez, venho-vos sugerir alguns filmes para esta altura do ano em que procuramos emoções fortes: o Halloween. São todos filmes deste a. [...]

“Os Vampiros”, de Filipe Melo e Juan Cavia – Crítica.

“Os Vampiros”, de Filipe Melo e Juan Cavia – Crítica.

Antes de mais, quem conhece este cantinho sabe que eu sou um fã do Filipe Melo e do Juan Cavia. Já antes escrevi com entusiasmo sobre alguns . [...]

“Nada Tenho De Meu” – A Utopia da Liberdade.

“Nada Tenho De Meu” – A Utopia da Liberdade.

Antes de mais, devo dizer que sou fã do “José e Pilar“, do Miguel Gonçalves Mendes, e era com expectativa que aguardava o seu pr. [...]

10 Sugestões para o Fantasporto 2013.

em: 2013/02/20 | por: | em: Cinema, Fantasporto | Sem comentários em 10 Sugestões para o Fantasporto 2013. | lido: 1.725 vezes

A poucos dias do arranque do Fantasporto 2013, venho cumprir o prometido: dar 10 sugestões para aqueles que irão ao festival adquirindo uma caderneta de bilhetes-bónus. O objectivo aqui não é aconselhar os melhores filmes, mas aconselhar aqueles que melhor poderão proporcionar a experiência do que é o Fantas em toda a sua abrangência. Fora destas propostas ficam as sessões de abertura, encerramento e sessão especial de pré-abertura, cujos bilhetes não podem ser adquiridos nesta modalidade. Aqui ficam as minhas sugestões:

“Pietá” – Kim-Ki-Duk – Coreia do Sul

É o regresso de Kim-Ki-Duk ao festival onde já foi premiado três vezes, com um filme que venceu o Urso de Ouro no Festival de Veneza. Um agiota é forçado a reconsiderar o seu estilo de vida violento, após a chegada de uma misteriosa mulher que lhe diz ser sua mãe.

Forgotten” – Alex Schmidt – Alemanha

Durante as férias numa ilha, duas amigas de infância são assombradas por fantasmas do seu passado. Um filme alemão tenso e denso que tenta recriar a atmosfera do cinema de terror clássico.

Insensibles” – Juan Carlos Medina – Espanha

Uma co-produção Catalã e Portuguesa, numa estória contada a dois tempos. Durante a guerra civil espanhola, num asilo onde crianças que não sentem dor são reabilitadas através da aprendizagem do sofrimento físico, e na actualidade, onde um neurocirurgião que precisa de um transplante de medula vai descobrir o seu passado negro quando tenta encontrar os seus pais biológicos.

Berberian Sound Studio” – Peter Strickland – GB

Vencedor de quatro prémios nos British Independent Film Awards 2012, incluindo melhor produção, realizador e actor (o excelente Toby Jones). O trabalho de um engenheiro de som para um estúdio de cinema de terror italiano, transforma-se num horrendo caso de vida imitando a arte.

Iron Sky” – Timo Vuorensola – Finlândia /Alemanha /Australia

Premiada comédia de acção e ficção ciêntifica. No final da 2ª guerra mundial, o muito secreto plano espacial nazi é posto em prática, permitindo o retiro para uma base na face escura da lua, onde preparam o seu regresso ao poder, em 2018.

Ace Attorney” – Takashi Miike – Japão

Mais um grande regresso ao festival, o do Japonês Takashi Miike, com uma adaptação de dois casos do popular videojogo “Phoenix Wright: Ace Attorney“. O atrativo da estória centra-se no sistema judicial aplicado, que impõe que, entre o inicio do julgamento e o veredicto, não passem mais de 3 dias.

Sawney : Flesh of Man” –  Ricky Wood Jnr – GB

Da Escócia chega-nos uma estória de canibalismo, centrada num taxista e na sua família de assassinos inatos, responsáveis por mais de mil mortes ao longo dos séculos.

Thale” – Aleksandre Nordaas – Noruega

Estória do folclore Norueguês, em que estranhos seres que parecem lindas mulheres, mas com cauda, seduzem os incautos, quais sereias da floresta.

The Seasoning House” – Paul Hyett – GB

The Seasoning House é um bordel onde jovens mulheres se prostituem aos militares. Uma orfã surda-murda é escravizada para as servir. Ela move-se e rasteja entre as paredes e espaços confinados, planeando a sua fuga e posterior vingança.

Por último, e porque durante alguns anos frequentei o Fantas nesta modalidade, sugiro que guardem o último bilhete-bónus, para o último dia, onde poderão ver um dos filmes premiados. Resta dizer que as Cadernetas de 10 Bilhetes Bónus, que podem ser usados em todas as sessões do festival, exceto sessões de pré-abertura, abertura e encerramento, custam 40€ e a troca por bilhete normal para a sessão escolhida tem de ser feita EXCLUSIVAMENTE nas bilheteiras do RIVOLI TEATRO MUNICIPAL

Deixe um comentário