10 Anos / 20 Escolhas #10 – 2018.

10 Anos / 20 Escolhas #10 – 2018.

Para terminar a iniciativa de comemoração do 10º aniversário do laxanteCULTURAL, temos o amável contributo da Rita Santos, a.k.a. FilmPuff,. [...]

“Joker” – Poster e Teaser Trailer.

“Joker” – Poster e Teaser Trailer.

Quem segue este blog deve estar admirado por ver aqui uma publicação deste tipo. Fui pesquisar e desde Março de 2015 que não publicava um po. [...]

Fantasporto 2019 – Vencedores e horários das sessões dos filmes premiados.

Fantasporto 2019 – Vencedores e horários das sessões dos filmes premiados.

Termina hoje a 39ª edição do Fantasporto – Festival Internacional de Cinema do Porto, com a exibição dos filmes premiados. Fiquem com a . [...]

“The Haunting Of Hill House” – A obra-prima de Mike Flanagan.

“The Haunting Of Hill House” – A obra-prima de Mike Flanagan.

Toda a gente que costuma ler as minhas sugestões para o Halloween sabe que sou um grande fã do Mike Flanagan desde “Oculus“, de 2013. . [...]

A Floresta Das Almas Perdidas – Terror Luso, Melancólico e Poético.

A Floresta Das Almas Perdidas – Terror Luso, Melancólico e Poético.

Há alguns anos que conheço e acompanho o trabalho do José Pedro Lopes e do Anexo 82. Com uma interessante colecção de curtas-metragens no . [...]

“Cop Out” – Poster e Red Band Trailer.

em: 2010/02/06 | por: | em: Cinema | Sem comentários em “Cop Out” – Poster e Red Band Trailer. | lido: 2.202 vezes

Depois do primeiro Trailer e algumas fotos, eis que nos chega promoção a sério de “Cop Out” de Kevin Smith. Sendo este filme uma comédia policial na tradição das duplas de opostos (“Lethal Weapon“, “Red Heat” e dezenas de outros), a imagem do Poster, simples directa e expressiva na definição dos personagens, faz mais para promovê-lo do que o primeiro Trailer (que era um pouco insípido). E mesmo por isso, aqui está outro, este Red Band ( para maiores de 17 anos). Conhecendo Smith como conhecemos, só mesmo um trailer adulto para fazer justiça a um filme seu. E este é muito mais interessante do que o primeiro. Menos acção mas muito mais personalidade. Diálogos rápidos e certeiros (com muito calão), atentados às partes baixas (fazem sempre soltar gargalhadas) e três actores perfeitamente à vontade nos papéis que lhes couberam em sorte (Bruce Willis, Tracy Morgan e Sean William Scott). Agora sim, estou curioso para ver este filme, que embora não passando de um divertimento ligeiro, será certamente um bom entretenimento.

Deixe um comentário