“The Escape” volta a juntar a BMW a Clive Owen.

“The Escape” volta a juntar a BMW a Clive Owen.

Foi em 2001 que a BMW revelou Clive Owen ao mundo, numa série de curtas-metragens onde um exímio motorista de aluguer era contratado para mis. [...]

Passatempo laxanteCULTURAL / Halloween 2016.

Passatempo laxanteCULTURAL / Halloween 2016.

  Pela primeira vez vou fazer um passatempo aqui no laxanteCULTURAL para assinalar este Halloween. Como podem ver na foto, o que tenho par. [...]

Sugestões para o Halloween 2016.

Sugestões para o Halloween 2016.

Mais uma vez, venho-vos sugerir alguns filmes para esta altura do ano em que procuramos emoções fortes: o Halloween. São todos filmes deste a. [...]

“Os Vampiros”, de Filipe Melo e Juan Cavia – Crítica.

“Os Vampiros”, de Filipe Melo e Juan Cavia – Crítica.

Antes de mais, quem conhece este cantinho sabe que eu sou um fã do Filipe Melo e do Juan Cavia. Já antes escrevi com entusiasmo sobre alguns . [...]

“Nada Tenho De Meu” – A Utopia da Liberdade.

“Nada Tenho De Meu” – A Utopia da Liberdade.

Antes de mais, devo dizer que sou fã do “José e Pilar“, do Miguel Gonçalves Mendes, e era com expectativa que aguardava o seu pr. [...]

“Dexter” – Promo 4ª Temporada… Ou não!

em: 2009/04/06 | por: | em: Televisão | Sem comentários em “Dexter” – Promo 4ª Temporada… Ou não! | lido: 2.364 vezes

Dexter é uma das mais populares séries da actualidade, e uma das melhores e mais originais também. Talvez por isso, seja dificil encontrar alguém que não saiba quem é Dexter Morgan (além das personagens que se cruzam com ele na série) ou Michael C. Hall, que o interpreta. Deixarei portanto as apresentações de lado e passarei ao que me levou a este post.

A 3ª temporada deixa Dexter casado e a poucos meses de ser pai. Será que a sua nova vida interferirá com o seu “trabalho”? Acaba de sair a promo da próxima temporada e, é preciso dizê-lo, é decepcionante. Nada, mas nada, de novo. Todas as imagens já foram vistas na série anterior, e aquilo que se acrescenta são legendas a formular perguntas e pensamentos também já formulados, implicita ou explicitamente. Nem uma data, nem introdução de novos personagens, nada. Nada! Confiram:

Confirmado? Então porquê postar uma promo tão fraquinha? Enquanto a procurava, deparei-me com uma outra da temporada anterior (que não conhecia) e fiquei maravilhado. É assim que todas as promos deveriam ser. Não tem uma única imagem retirada da série, mas é tão rica em conteúdo, em caracterização do objecto que promove, na explanação do seu imaginário, que apetece ver e rever. E esquecer a anterior…

Deixe um comentário