“Maps To The Stars”, de David Cronenberg – Posters e Trailers.

“Maps To The Stars”, de David Cronenberg – Posters e Trailers.

Depois de Fincher, é a vez de nos debruçarmos sobre o novo filme de David Cronenberg. Tenho um carinho muito especial por este realizador can. [...]

Fantasporto 2014 – Dia 5.

Fantasporto 2014 – Dia 5.

Apesar de já terem sido divulgados os premiados desta edição do fantasporto, e porque vocês provavelmente já conhecem bem a lista, vou con. [...]

“Nada Tenho De Meu” – A Utopia da Liberdade.

“Nada Tenho De Meu” – A Utopia da Liberdade.

Antes de mais, devo dizer que sou fã do “José e Pilar“, do Miguel Gonçalves Mendes, e era com expectativa que aguardava o seu pr. [...]

Cinema 2013 – O Veredicto.

Cinema 2013 – O Veredicto.

Com o atraso que vem sendo habitual, chegou a altura de revelar a minha lista dos melhores filmes que estrearam em Portugal em 2013. Antes, que. [...]

“Puro”: Xutos & Pontapés, 35 anos.

“Puro”: Xutos & Pontapés, 35 anos.

Antes de mais nada, parabéns aos grandes Xutos & Pontapés. 35 anos de vida ‘conjugal’ não é para qualquer um, principalment. [...]

“Hugo”, de Martin Scorsese – Poster e Trailer.

em: 2011/07/15 | por: | em: Cinema | Sem Comentários | lido: 1.123 vezes

hugo poster xlarge Hugo, de Martin Scorsese   Poster e Trailer.

Martin Scorsese é um nome que dispensa apresentações e a sua reputação precede-o, apesar de nos últimos anos ter feito alguns filmes que, embora acima da média, ficaram uns furos abaixo dessa mesma reputação. A noticia de que o seu próximo projecto, “Hugo“, seria em 3d provocou em mim uma imediata desconfiança. Tirando um ou outro projecto (com “Avatar” à cabeça), a moda do 3d tem sido uma enorme desilusão (a ponto de me levar a evitá-la). Daí a dúvida: o que levaria um mestre perfeccionista a abordar o formato? Um capricho ou a convicção de poder fazê-lo bem? O resultado pode ser apreciado no trailer abaixo. Apesar de ser em 2d, há uma grande quantidade de planos com profundidade que saltam à vista. Isso é fruto de um pequeno pormenor: o filme foi filmado já em 3d, usando o processo de “Avatar”, e não convertido à posteriori, como a quase totalidade dos filmes feitos entre os dois. O resultado é belíssimo, e voltou a despertar em mim a vontade de ver um filme com os mal afamados óculos. Quanto à estória, é a adaptação do romance “The Invention of Hugo Cabret” de Brian Selznick, e segue um órfão que vive nas paredes de uma estação de comboios na Paris dos anos 30 do século passado, e um mistério que envolve o seu falecido pai e um autómato. À primeira vista pode espantar ver Scorsese envolto num projecto destes, mas, se pensarmos bem, os filmes de época e de grande dimensão sempre foram contemplados na sua obra. O facto de ser uma estória para todas as idades é apenas um pormenor, que pode estar associado à escolha do realizador para se estrear no 3d. Por último, o elenco: Asa Butterfield é o jovem Hugo, que apesar da idade conta no currículo com filmes como “Filho de Rambow – Um Novo Herói“, “O Rapaz do Pijama Às Riscas“, “ O Lobisomem” ou “Nanny McPhee e o Toque de Magia“. A acompanhá-lo estão Chloe MoretzEmily MortimerJude LawChristopher Lee, Sacha Baron Cohen, Ben Kingsley e Ray Winstone. Fiquem com o trailer…

E então, estão curiosos?

Deixe um comentário