Fantasporto 2017 – Os Vencedores.

Fantasporto 2017 – Os Vencedores.

Termina este domingo mais uma edição do Fantasporto, a 37ª, com a exibição de alguns filmes premiados. A entrega de prémios decorreu este. [...]

“The Escape” volta a juntar a BMW a Clive Owen.

“The Escape” volta a juntar a BMW a Clive Owen.

Foi em 2001 que a BMW revelou Clive Owen ao mundo, numa série de curtas-metragens onde um exímio motorista de aluguer era contratado para mis. [...]

Sugestões para o Halloween 2016.

Sugestões para o Halloween 2016.

Mais uma vez, venho-vos sugerir alguns filmes para esta altura do ano em que procuramos emoções fortes: o Halloween. São todos filmes deste a. [...]

“Os Vampiros”, de Filipe Melo e Juan Cavia – Crítica.

“Os Vampiros”, de Filipe Melo e Juan Cavia – Crítica.

Antes de mais, quem conhece este cantinho sabe que eu sou um fã do Filipe Melo e do Juan Cavia. Já antes escrevi com entusiasmo sobre alguns . [...]

“Nada Tenho De Meu” – A Utopia da Liberdade.

“Nada Tenho De Meu” – A Utopia da Liberdade.

Antes de mais, devo dizer que sou fã do “José e Pilar“, do Miguel Gonçalves Mendes, e era com expectativa que aguardava o seu pr. [...]

Óscares 2011 – Nomeados e Previsões.

em: 2011/02/28 | por: | em: Cinema | Sem comentários em Óscares 2011 – Nomeados e Previsões. | lido: 2.010 vezes

Ainda não tinha falado aqui dos Óscares (à excepção das curtas-metragens de animação que vos trouxe na integra) e, a pouco tempo da cerimónia vou mostrar os nomeados e fazer uma previsão geral da noite. Assim sendo, os nomeados são:

Melhor Filme
• “O Cisne Negro”
• “The Fighter”
• “A Origem”
• “Os Miúdos Estão Bem”
• “O Discurso do Rei”
• “A Rede Social”
• “Toy Story 3”
• “127 Horas”
• “Indomável”
• “Despojos de Inverno”

Melhor Realizador
• Darren Aronofsky, por “O Cisne Negro”
• David O. Russel, por “The Fighter”
• Tom Hooper, por “O Discurso do Rei”
• David Fincher, por “A Rede Social”
• Joel Coen e Ethan Coen, por “Indomável”

Melhor Actor
• Javier Bardem, por “Biutiful”
• Jeff Bridges, por “Indomável”
• Jesse Eisenberg, por “A Rede Social”
• Colin Firth, por “O Discurso do Rei”
• James Franco, por “127 Horas”

Melhor Actriz
• Annette Bening, por “Os Miúdos Estão Bem”
• Nicole Kidman, por “Rabbit Hole”
• Jennifer Lawrence, por “Despojos de Inverno”
• Natalie Portman, por “O Cisne Negro”
• Michelle Williams, por “Blue Valentine – Só Tu e Eu”

Melhor Actor Secundário
• Christian Bale, por “The Fighter”
• John Hawkes, por “Despojos de Inverno”
• Jeremy Renner, por “A Cidade”
• Mark Ruffalo, por “Os Miúdos Estão Bem”
• Geoffrey Rush, por “O Discurso do Rei”

Melhor Actriz Secundária
• Amy Adams, por “The Fighter”
• Helena Bonham Carter, por “O Discurso do Rei”
• Melissa Leo, por “The Fighter”
• Hailee Steinfeld, por “Indomável”
• Jacki Weaver, por “Animal Kingdom”

Melhor Argumento Original
• Mike Leigh, por “Um Ano Mais”
• Scott Silver, Paul Tamasy e Eric Johnson, por “The Fighter”
• Christopher Nolan, por “A Origem”
• Lisa Chodolenko e Stuart Blumberg, por “Os Miúdos Estão Bem”
• David Seidler, por “O Discurso do Rei”

Melhor Argumento Adaptado
• Danny Boyle e Simon Beaufoy, por “127 Horas”
• Aaron Sorkin, por “A Rede Social”
• Michael Arndt, John Lasseter, Andrew Stanton e Lee Unkrich, por “Toy Story 3”
• Joel Coen e Ethan Coen, por “Indomável”
• Debra Granik e Anne Rosellini, por “Despojos de Inverno”

Melhor Longa-Metragem de Animação
• “Como Treinares o Teu Dragão”
• “O Mágico”
• “Toy Story 3”

Melhor Filme de Língua Estrangeira
• “Biutiful” (México)
• “Dogtooth”” (Grécia)
• “In a Better World” (Dinamarca)
• “Incendies” (Canadá)
• “Outside the Law” (Argélia)

Melhor Direcção Artística
• “Alice no País das Maravilhas”, por Robert Stromberg e Karen O’Hara
• “Harry Potter e os Talismãs da Morte: Parte 1”, por Stuart Craig e Stephenie McMillan
• “A Origem”, por Guy Hendrix Dyas, Larry Dias e Doug Mowat
• “O Discurso do Rei”, por Eve Stewart e Judy Farr
• “Indomável”, por Jess Gonchor e Nancy Haigh

Melhor Fotografia
• “O Cisne Negro”, por Matthew Libatique
• “A Origem”, por Wally Pfister
• “O Discurso do Rei”, por Danny Cohen
• “A Rede Social”, por Jeff Cronenweth
• “Indomável”, por Roger Deakins
Melhor Guarda-Roupa
• “Alice no País das Maravilhas”, por Colleen Atwood
• “Eu Sou o Amor”, por Antonella Cannarozzi
• “O Discurso do Rei”, por Jenny Beavan
• “A Tempestade”, por Sandy Powell
• “Indomável”, por Mary Zophres

Melhor Montagem
• “O Cisne Negro”, por Andrew Weisblum
• “The Fighter”, por Pamela Martin
• “O Discurso do Rei”, por Tariq Anwar
• “127 Horas”, por Jon Harris
• “A Rede Social”, por Angus Wall e Kirk Baxter

Melhor Caracterização

• “Barney’s Version”,  por Adrien Morot
• “The Way Back”, por Edouard F. Henriques, Gregory Funk e Yolanda Toussieng
• “O Lobisomem”, por Rick Baker e Dave Elsey

Melhor Banda-sonora Original
• Alexandre Desplat, por “O Discurso do Rei”
• A.R. Rahman, por “127 Horas”
• Trent Reznor e Atticus Ross, por “A Rede Social”
• Hans Zimmer, por “A Origem”
• John Powell, por “Como Treinares o Teu Dragão”

Melhor Canção Original
• Coming Home (“Country Strong”)
• I See the Light (“Entrelaçados”)
• If I Rise (“127 Horas”)
• We Belong Together (“Toy Story 3”)

Melhores Efeitos Sonoros
• “A Origem”, por Lora Hirschberg, Gary A. Rizzo e Ed Novick
• “O Discurso do Rei”, por Paul Hamblin, Martin Jensen e John Midgley
• “Salt”, Jeffrey J. Haboush, Greg P. Russell, Scott Millan e William Sarokin
• “A Rede Social”, por Ren Klyce, David Parker, Michael Semanick e Mark Weingarten
• “Indomável”, por Skip Lievsay, Craig Berkey, Greg Orloff e Peter F. Kurland

Melhor Som

• “A Origem”, por Richard King
• “Toy Story 3”, por Tom Myers e Michael Silvers
• “Tron: O Legado”, por Gwendolyn Yates Whittle e Addison Teague
• “Indomável”, por Skip Lievsay e Craig Berkey
• “Imparável”, por Mark P. Stoeckinger

Melhores Efeitos Visuais
• “Alice no País das Maravilhas”
• “Harry Potter e os Talismãs da Morte: Parte 1”
• “Hereafter – Outra Vida”

• “A Origem”

• “Homem de Ferro 2”
Melhor Documentário – Longa-metragem
• “Exit through the Gift Shop”, por Banksy e Jaimie D’Cruz
• “Gasland”, por Josh Fox e Trish Adlesic
• “Inside Job – A Verdade da Crise”, por Charles Ferguson e Audrey Marrs
• “Restrepo”, por Tim Hetherington e Sebastian Junger
• “Waste Land”, por Lucy Walker e Angus Aynsley

Melhor Documentário – Curta-metragem
• “Killing in the Name”
• “Poster Girl”
• “Strangers No More”, por Karen Goodman e Kirk Simon
• “Sun Come Up”, por Jennifer Redfearn e Tim Metzger
• “The Warriors of Qiugang”, por Ruby Yang e Thomas Lennon

Melhor Curta-metragem de Animação
• “Day & Night”, por Teddy Newton
• “The Gruffalo”, por Jakob Schuh e Max Lang
• “Let’s Pollute”, por Geefwee Boedoe
• “The Lost Thing”, por Shaun Tan e Andrew Ruhemann
• “Madagascar, carnet de voyage” (“Madagascar, a Journey Diary”), por Bastien Dubois

Melhor Curta-metragem de Imagem Real
• “The Confession”, por Tanel Toom
• “The Crush”, por Michael Creagh
• “God of Love”, por Luke Matheny
• “Na Wewe”, por Ivan Goldschmidt
• “Wish 143”, por Ian Barnes e Samantha Waite

Quanto à cerimónia e aos vencedores, tenho apenas alguns comentários. O facto de cortarem os clips a promover o filme não vai acelerar a cerimónia e muito menos torná-la menos monótona. Espero que haja alguma compensação nesse sentido. Estou algo apreensivo quanto aos apresentadores, parecem-me um pouco ‘verdes’ para a tarefa, mas com provas dadas em desafios difíceis, espero sinceramente que se safem.

Quanto aos prémios, “A Rede Social” deverá ser o vencedor da noite, embora “O Discurso do Rei” deverá sair com mais galardões. “Indomável” será o grande perdedor da noite, tendo apenas hipóteses para melhor actriz secundária. David Fincher será o melhor realizador e Natalie Portman a melhor actriz. Quanto a melhor actor, a escolha não será tão óbvia, sendo que a dúvida está entre Colin Firth e James Franco. Pessoalmente, prefiro a interpretação de Franco, mas Firth parte na pole position. Melhor actor secundário também está dividido entre Christian Bale e Geoffrey Rush, mas penso que Bale sairá triunfante. Por último, “A Rede Social” e “A Origem” conquistarão os Óscares de melhores argumentos.

No final da cerimónia estarei aqui para dar a mão à palmatória, se for caso disso. Como sempre, podem acompanhar os meus comentários na página do facebook do laxanteCULTURAL. Até já…

 

Deixe um comentário