Fantasporto 2017 – Os Vencedores.

Fantasporto 2017 – Os Vencedores.

Termina este domingo mais uma edição do Fantasporto, a 37ª, com a exibição de alguns filmes premiados. A entrega de prémios decorreu este. [...]

“The Escape” volta a juntar a BMW a Clive Owen.

“The Escape” volta a juntar a BMW a Clive Owen.

Foi em 2001 que a BMW revelou Clive Owen ao mundo, numa série de curtas-metragens onde um exímio motorista de aluguer era contratado para mis. [...]

Sugestões para o Halloween 2016.

Sugestões para o Halloween 2016.

Mais uma vez, venho-vos sugerir alguns filmes para esta altura do ano em que procuramos emoções fortes: o Halloween. São todos filmes deste a. [...]

“Os Vampiros”, de Filipe Melo e Juan Cavia – Crítica.

“Os Vampiros”, de Filipe Melo e Juan Cavia – Crítica.

Antes de mais, quem conhece este cantinho sabe que eu sou um fã do Filipe Melo e do Juan Cavia. Já antes escrevi com entusiasmo sobre alguns . [...]

“Nada Tenho De Meu” – A Utopia da Liberdade.

“Nada Tenho De Meu” – A Utopia da Liberdade.

Antes de mais, devo dizer que sou fã do “José e Pilar“, do Miguel Gonçalves Mendes, e era com expectativa que aguardava o seu pr. [...]

Oscars 2013 – Os vencedores.

em: 2013/02/25 | por: | em: Cinema | Sem comentários em Oscars 2013 – Os vencedores. | lido: 1.707 vezes

 Decorreu esta noite mais uma gala de entrega de prémios da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood, desta vez apresentada por Seth MacFarlane, que surpreendeu pela positiva. Não me lembro de alguma terem decorrido 20 minutos de cerimónia antes de apresentado o primeiro prémio. E todo o número de abertura foi hilariante e muito inteligente, pela forma como MacFarlane não foi politicamente incorrecto. Praticamente todas as piadas ao longo da cerimónia foram igualmente inteligentes e certeiras. Nos vencedores, houve um prémio partilhado, o de montagem de som, mas a surpresa da noite foi Jennifer Lawrence a ganhar o Óscar de melhor actriz. A cerimónia foi das mais compridas, muito por culpa dos números musicais, que foram muitos. Aqui o destaque vai para Adéle com “Skyfall” e a homenagem aos 50 anos de Bond, com Shirley Bassey a interpretar “Goldfinger“. Nos apresentadores, a surpresa de Michelle Obama apresentar, a partir da Casa Branca, o Óscar de melhor filme. “Argo” é melhor filme, mas “Life Of Pi” ganhou mais 1 prémio, 4. Último destaque para o excelente e emocionado discurso de Ben Affleck. A lista completa de vencedores é a que se segue…

 

MELHOR FILME
Beasts of the Southern Wild
Silver Linings Playbook
Zero Dark Thirty
Lincoln
Les Misérables 
Life of Pi
Amour
Django Unchained
Argo

MELHOR REALIZADOR
David O. Russell, Silver Linings Playbook
Ang Lee, Life of Pi
Steven Spielberg, Lincoln
Michael Haneke, Amour
Benh Zeitlin, Beasts of the Southern Wild

MELHOR ACTRIZ
Naomi Watts, The Impossible
Jessica Chastain, Zero Dark Thirty
Jennifer Lawrence, Silver Linings Playbook
Emmanuelle Riva, Amour
Quvenzhané Wallis, Beasts of the Southern Wild

MELHOR ACTOR
Daniel Day-Lewis, Lincoln
Denzel Washington, Flight
Hugh Jackman, Les Misérables
Bradley Cooper, Silver Linings Playbook
Joaquin Phoenix, The Master

MELHOR FILME DE ANIMAÇÃO
Frankenweenie
Pirates: Band of Misfits
Wreck-It-Ralph
Paranorman
Brave

MELHOR FILME EM LÍNGUA ESTRANGEIRA
Amour (Áustria)
No, (Chile)
War Witch, Canadá
A Royal Affair, Dinamarca
Kon Tiki, Noruega

MELHOR ACTRIZ SECUNDÁRIA
Sally Field, Lincoln
Anne Hathaway, Les Misérables
Jacki Weaver, Silver Linings Playbook
Helen Hunt, The Sessions
Amy Adams, The Master

MELHOR ACTOR SECUNDÁRIO
Christoph Waltz, Django Unchained
Phillip Seymour Hoffman, The Master
Robert de Niro, Silver Linings Playbook
Alan Arkin, Argo
Tommy Lee Jones, Lincoln

MELHOR ARGUMENTO ADAPTADO
Argo, escrito por Chris Terrio
Beasts of the Southern Wild, escrito por Lucy Alibar & Benh Zeitlin
Life of Pi, escrito por David Magee
Lincoln, escrito por Tony Kushner
Silver Linings Playbook, escrito por David O. Russell

MELHOR ARGUMENTO ORIGINAL
Amour, escrito por Michael Haneke
Django Unchained, escrito por Quentin Tarantino
Flight, escrito por John Gatins
Moonrise Kingdom, escrito por Wes Anderson & Roman Coppola
Zero Dark Thirty, escrito por Mark Boal

MELHOR CANÇÃO ORIGINAL
‘Before My Time’, Chasing Ice
‘Pi’s Lullaby’, Life of Pi
‘Suddenly’, Les Misérables
‘Everybody Needs a Best Friend’, Ted
‘Skyfall’, Skyfall

MELHOR FOTOGRAFIA
Anna KareninaSeamus McGarvey
Django Unchained – Robert Richardson
Life of Pi – Claudio Miranda
Lincoln – Janusz Kaminski
Skyfall – Roger Deakins

MELHOR GUARDA-ROUPA
Anna Karenina – Jacqueline Durran
Les Misérables – Paco Delgado
Lincoln – Joanna Johnston
Mirror Mirror – Eiko Ishioka
Snow White and the Huntsman – Colleen Atwood

MELHOR DOCUMENTÁRIO
5 Broken Cameras
The Gatekeepers
How to Survive a Plague
The Invisible War
Searching for Sugar Man

MELHOR DOCUMENTÁRIO – CURTA-METRAGEM
Inocente – Sean Fine and Andrea Nix Fine
Kings Point – Sari Gilman and Jedd Wider
Mondays at Racine -Cynthia Wade and Robin Honan
Open Heart – Kief Davidson and Cori Shepherd Stern
Redemption -Jon Alpert and Matthew O’Neill

MELHOR MONTAGEM
Argo – William Goldenberg
Life of Pi – Tim Squyres
Lincoln – Michael Kahn
Silver Linings Playbook – Jay Cassidy and Crispin Struthers
Zero Dark Thirty – Dylan Tichenor and William Goldenberg

MELHOR BANDA-SONORA
Anna KareninaDario Marianelli
Argo – Alexandre Desplat
Life of Pi – Mychael Danna
Lincoln – John Williams
Skyfall – Thomas Newman

MELHOR CARACTERIZAÇÃO E CABELEIREIRO
Hitchcock – Howard Berger, Peter Montagna and Martin Samuel
The Hobbit: An Unexpected Journey – Peter Swords King, Rick Findlater and Tami Lane
Les Misérables – Lisa Westcott and Julie Dartnel

MELHOR DIRECÇÃO ARTÍSTICA
Anna Karenina – Sarah Greenwood (Production Design); Katie Spencer (Set Decoration)
The Hobbit: An Unexpected Journey –Dan Hennah (Production Design); Ra Vincent and Simon Bright (Set Decoration)
Les Misérables – Eve Stewart (Production Design); Anna Lynch-Robinson (Set Decoration)
Life of Pi –David Gropman (Production Design); Anna Pinnock (Set Decoration)
Lincoln – Rick Carter (Production Design); Jim Erickson (Set Decoration)

MELHOR CURTA-METRAGEM DE ANIMAÇÃO
Adam and Dog – Minkyu Lee
Fresh Guacamole – PES
Head over Heels – Timothy Reckart and Fodhla Cronin O’Reilly
Maggie Simpson in “The Longest Daycare” – David Silverman
Paperman – John Kahrs

MELHOR CURTA-METRAGEM
Asad – Bryan Buckley and Mino Jarjoura
Buzkashi Boys – Sam French and Ariel Nasr
Curfew – Shawn Christensen
Death of a Shadow (Dood van een Schaduw) – Tom Van Avermaet and Ellen De Waele
Henry – Yan England

MELHOR MISTURA DE SOM
Argo – Erik Aadahl and Ethan Van der Ryn
Django Unchained -Wylie Stateman
Life of Pi – Eugene Gearty and Philip Stockton
Skyfall – Per Hallberg and Karen Baker Landers
Zero Dark Thirty – Paul N.J. Ottosson

MELHOR SOM
Argo – John Reitz, Gregg Rudloff and Jose Antonio Garcia
Les Misérables – Andy Nelson, Mark Paterson and Simon Hayes
Life of Pi – Ron Bartlett, D.M. Hemphill and Drew Kunin
Lincoln – Andy Nelson, Gary Rydstrom and Ronald Judkins
Skyfall – Scott Millan, Greg P. Russell and Stuart Wilson

MELHORES EFEITOS ESPECIAIS
The Hobbit: An Unexpected Journey – Joe Letteri, Eric Saindon, David Clayton and R. Christopher White
Life of Pi – Bill Westenhofer, Guillaume Rocheron, Erik-Jan De Boer and Donald R. Elliott
Marvel’s The Avengers – Janek Sirrs, Jeff White, Guy Williams and Dan Sudick
Prometheus – Richard Stammers, Trevor Wood, Charley Henley and Martin Hill
Snow White and the Huntsman – Cedric Nicolas-Troyan, Philip Brennan, Neil Corbould and Michael Dawson

P.S. Pela primeira vez, houve um número musical de encerramento, dedicado aos perdedores. Foi uma agradável surpresa para variar da habitual frieza do momento. Muito bom. MacFarlane aprovado.

Deixe um comentário