Fantasporto 2020 – Dia 8 de Março.

Fantasporto 2020 – Dia 8 de Março.

Já tinha dado por encerrada esta edição do Fantasporto 2020, a 40ª, quando decidi ir à sessão dos premiados da secção de cinema portugu. [...]

Cinema 2019 – Os Melhores (e piores).

Cinema 2019 – Os Melhores (e piores).

Já há uns anos que não fazia uma lista de melhores do ano, mas este ano, talvez por termos completado 10 anos de actividade, resolvi retomar . [...]

Sugestões para o Halloween 2019.

Sugestões para o Halloween 2019.

Mais uma vez, trago-vos algumas sugestões de filmes para o Halloween, depois de ter falhado o ano passado. À semelhança de 2017, todas as sug. [...]

10 Anos / 20 Escolhas #10 – 2018.

10 Anos / 20 Escolhas #10 – 2018.

Para terminar a iniciativa de comemoração do 10º aniversário do laxanteCULTURAL, temos o amável contributo da Rita Santos, a.k.a. FilmPuff,. [...]

“The Haunting Of Hill House” – A obra-prima de Mike Flanagan.

“The Haunting Of Hill House” – A obra-prima de Mike Flanagan.

Toda a gente que costuma ler as minhas sugestões para o Halloween sabe que sou um grande fã do Mike Flanagan desde “Oculus“, de 2013. J. [...]

Posters e Trailers Para “The Fighter”, de David O’ Russel.

em: 2010/12/01 | por: | em: Cinema | Sem comentários em Posters e Trailers Para “The Fighter”, de David O’ Russel. | lido: 2.274 vezes

David O’ Russel é o realizador de um dos melhores filmes sobre a primeira guerra do Iraque, “Três Reis” (1999). Aclamado pela sua irreverente e caustica visão da guerra, demorou 5 anos a realizar novo filme. “I Heart Huckabees“, apesar de não ser um mau filme, não foi bem recebido, sendo mesmo considerado um fracasso, tendo em conta o excelente elenco de que era composto. De lá para cá tem sido os inúmeros projectos que não avançam, adiando a confirmação de Russel como um excelente realizador (ou o oposto). Agora, 11 anos depois do filme com Clooney, Wahlberg, Cube e Jonze, Russel volta finalmente com um drama baseado numa história real que, para já, divide opiniões. “The Fighter” conta a caminhada do irlandês Micky Ward (novamente Mark Wahlberg) rumo ao título de campeão do mundo de boxe, e do seu irmão (Christian Bale) , ex-lutador tornado treinador depois de reabilitado das drogas e do crime. Os primeiros poster e trailer não faziam antever um filme merecedor de grande atenção, apesar da admirável transformação de Bale. A poucos dias da estreia, foi lançado novo material promocional e uma campanha boca-a.-boca liderada por Spike Jonze (amigo de Russel) na tentativa de mostrar um filme mais intenso e arrebatador. E o que é facto é que este segundo trailer realmente espevita a curiosidade. Apesar de não ser um tema novo, o filme promete agora ser um bom drama, com personagens marcantes (destaque ainda para Bale), que poderá resultar numa boa obra, dependendo do trabalho de Russel. E essa continua mesmo a ser a grande incógnita: será que o homem ainda tem o brilho demonstrado em “Três Reis”? Fiquem com mais um poster e os dois trailers…

Deixe um comentário