Fantasporto 2018 – “Chimera”.

Fantasporto 2018 – “Chimera”.

“Chimera” é o primeiro filme do realizador Maurice Haeems, e tem antestreia mundial este sábado às 21h15 no pequeno auditório d. [...]

Fantasporto 2018 – Dias 24, 25, 26, 27 e 28.

Fantasporto 2018 – Dias 24, 25, 26, 27 e 28.

Continuamos a divulgar a programação do Fantasporto – Festival Internacional de Cinema do Porto, no Grande Auditório do Rivoli –. [...]

A Floresta Das Almas Perdidas – Terror Luso, Melancólico e Poético.

A Floresta Das Almas Perdidas – Terror Luso, Melancólico e Poético.

Há alguns anos que conheço e acompanho o trabalho do José Pedro Lopes e do Anexo 82. Com uma interessante colecção de curtas-metragens no . [...]

“Os Vampiros”, de Filipe Melo e Juan Cavia – Crítica.

“Os Vampiros”, de Filipe Melo e Juan Cavia – Crítica.

Antes de mais, quem conhece este cantinho sabe que eu sou um fã do Filipe Melo e do Juan Cavia. Já antes escrevi com entusiasmo sobre alguns . [...]

“Nada Tenho De Meu” – A Utopia da Liberdade.

“Nada Tenho De Meu” – A Utopia da Liberdade.

Antes de mais, devo dizer que sou fã do “José e Pilar“, do Miguel Gonçalves Mendes, e era com expectativa que aguardava o seu pr. [...]

“Whiteout” – Posters, Fotos e Trailer.

em: 2009/06/18 | por: | em: Cinema | Sem comentários em “Whiteout” – Posters, Fotos e Trailer. | lido: 1.629 vezes

Até ontem, o nome “Whiteout” era-me completamente desconhecido. Hoje, depois de ver o trailer e ter procurado informação sobre o filme, sei alguma coisa, mas nada que seja particularmente relevante. É um filme realizado por Dominic Sena (que além do interessante “Kalifornia” e do razoável “Swordfish“, realizou também “60 Seconds“), protagonizado por Kate Beckinsale (que além de “Pearl Harbour” e “Aviator” participou em filmes de acção e fantasia como “Van Helsing” e a saga “Underworld“) e Gabriel Macht (um dos responsáveis por “Spirit” ser um dos piores filmes em muitos anos). Baseado numa graphic novel de Greg Rucka, gira à volta do primeiro assassinato cometido na Antárctica e da respectiva investigação movida pela U.S. Marshal Carrie Stetko, quando o sol está prestes a pôr-se durante 6 meses. O cartaz acima reproduz, com Beckinsale, a capa da obra original. Abaixo está mais um cartaz e algumas fotos.

Nada de muito entusiasmante, o que me leva ao que motivou este post: o trailer. Este, é dividido em duas partes: Uma em que nos é explicado o ambiente onde decorre a acção, e outra que nos diz do que trata essa acção. E a primeira parte é de longe superior à segunda. A voz off é misteriosa e até assustadora, e as condições climatéricas da Antárctica prestam-se a isso, a esse mistério. Faz-me lembrar um filme a que recorro frequentemente e de que gosto muito: “John Carpenter’s The Thing”. A segunda parte do trailer mostra-nos que entre um e outro não há comparação possível. Vejam porquê…

Deixe um comentário